JORGE & MATEUS lyrics - A Hora É Agora

Diga Sim

Original and similar lyrics
Cuspa o ódio que seus olhos tem de mim E engula o desejo que você tem de me provar Diga sim, diga sim, sim pra mim Diga não, diga não, diga não Diga sim que meu amor por ti é puro Diga não, não pro seu orgulho A vida vai nos dar o chão Pra gente pisar Um tempo pra viver Um sonho pra sonhar A vida vai nos dar o chão Se a gente quiser, depende de você deixar o sol brilhar A vida vai nos dar o chão Pra gente pisar um tempo pra viver Um sonho pra sonhar A vida vai nos dar o chão Se a gente quiser depende de você deixar o sol brilhar Depende de você deixar o sol brilhar

Caso Indefinido

CRISTIANO ARAUJO "Continua"
Será que alguém explica a nossa relação Um caso indefinido, mas rola paixão Adoro esse perigo, mexe demais comigo Mas não te tenho em minhas mãos Se você quiser Podemos ser um caso indefinido ou nada mais Apenas bons amigos, namorar, casar, ter filhos Passar a vida inteira juntos E vai saber se um dia seremos nós Nenhum beijo, para calar nossa voz Um minuto, uma hora, não importa o tempo Se estamos sós Se você quiser A gente casa ou namora A gente fica ou enrola O que eu mais quero é que você me queira Por um momento ou pra vida inteira

Quando Tem Que Acontecer

CRISTIANO ARAUJO "Ao Vivo Em Goiânia"
Basta você chegar pro meu olhar me acusar Todo mundo já percebe que eu sinto algo por você Já não preciso nem dizer Se nunca percebeu é que não prestou atenção Ou você vive distraída, ou talvez tá fingindo que não vê Que eu sou louco por você, por você Pensando em nós dois às vezes tomo um gole a mais E quando a gente ta amando A gente sempre faz umas loucuras pra alimentar o amor ou pra tentar esquecer E se eu fico longe, corro é do mesmo jeito O amor chegou rasgando, arrebentando o meu peito E tudo na vida acontece quando tem que acontecer E mesmo que eu corra e tente fugir Aqui dentro de mim só encontro você

Bajame Uno

Grupo Niche
(Jairo Varela) Bajame uno Aquí esta el camarón Tienes que aprovechar Para ganarte el sustento Pues tú sabes mira negro Que por experencia El pan de cada día baja Nadie te lo fía Bajame uno Aquí esta el camarón Tienes que aprovechar Para ganarte el sustento Pues tú sabes mira negro Que por experencia El pan de cada día baja Nadie te lo fía Y en la noche podras tocar Un aguabajo, un matrimonio, O de pronto en un velorío Bajame uno ay que demonio Sigue pa' lante Que el sudor de tu frenta baja Nadie te lo fía Que no te diga la gente Que tú no puedes ser presidente (bis/repeat) Que no te diga la gente Pero que no te diga na' Porque tú eres un negro inteligente Que no te diga la gente Ay no que no no No no no De eso tienes que estar consciente Que no te diga la gente Como elemento de juicio No vale no no que va no no no no Que no te diga la gente Así de buenas a primeras A simple vista no tengas suerte Que no te diga la gente Que tú no puedes ser presidente Que no te digan no Que no te diga la gente Que tú no puedes ser presidente Que no te diga la gente Que tú no puedes ser presidente Bajama deja ya el polín Qeu tienes todo pa' montarte al trampolín Que no te diga la gente Que con tu esfuerzo negro Terminas tocando la flauta o el violín Que no te diga la gente Que tú no puedes ser presidente

Todo Mundo Uma Ilha

Engenheiros Do Hawaii
Todo mundo é uma ilha (Humberto gessinger) Não me leve a sério, não me leve a mal, me leve pra casa Eu sou um bom rapaz, eu só bebi demais preciso ir pra casa Você me procurou, eu procurei dizer que não valia a pena Você não me escutou, você me acusou de estar fazendo cena Não me leve a mal, mas eu não tô legal, quero ficar sozinho Eu sou um bom rapaz, mas eu não sou capaz, de seguir o teu caminho Você não sabe o que eu sinto Você não sabe quem sou eu A gente entrou num labirinto Eu dancei, você dançou Agora já e tarde, já não tem mais jeito, já não tem saída No fim das contas, a gente faz de conta, que isso faz parte da vida Eu caí..., você caiu..., numa armadilha A gente tenta esquecer, mas todo mundo é uma ilha Agora já é noite, já não faz sentido, ficar se iludindo No fim das contas a gente faz de conta, que o mundo tá caindo Você não sabe o que eu sinto Você não sabe quem sou eu A gente entrou num labirinto Eu dancei, você dançou Contribuição: Leandro Maciel

Diga L Cora

Gonzaguinha
(Luiz Gonzaga Jr.) São coisas dessa vida tão cigana Caminhos como as linhas dessa mão Vontade de chegar e olha eu chegando E vem essa cigarra no meu peito Já querendo ir cantar noutro lugar Diga lá, meu coração Da alegria de rever essa menina E abraçá-la, e beijá-la Diga lá, meu coração Conte as histórias das pessoas Das estradas dessa vida Chore essa saudade estrangulada Fale, sem você não há mais nada Olhe bem nos olhos da morena E veja lá no fundo a luz daquele sol de primavera Durma qual criança no seu colo Sinta o cheiro forte do teu solo Passe a mão nos seus cabelos negros Diga um verso bem bonito e de novo vá embora Diga lá, meu coração Que ela está dentro e bem guardada E que é preciso mais que nunca Prosseguir André Velloso - Rio de Janeiro, Brazil

Was it funny? Share it with friends!